alheira
chourico a assar

4 formas de assar chouriço que tem de experimentar

O chouriço é um dos produtos mais especiais e particulares da gastronomia portuguesa e assar chouriço faz muitas vezes parte da diversão. Além de ser super-delicioso, fácil de preparar e bastante versátil, o facto de permitir ser assado na própria mesa faz com que seja o centro da festa

Além disso, o chouriço pode ser utilizado de várias formas: como entrada, como acompanhamento, como um aperitivo ou até como prato principal. Simples, fácil de confeccionar, rápido de preparar e, acima de tudo, muito saboroso. É isto que faz do chouriço dos mais populares enchidos portugueses.

Assar chouriço faz assim parte do ADN de qualquer português. E, tal como existem várias formas de preparar e comer o enchido, também existem diferentes maneiras de o assar. Há algumas que tem de experimentar pelos deliciosos resultados que vai ter

Impressione os seus convidados e família com o nosso eBook de receitas deliciosas.

Assar no assador

A forma mais conhecida de assar chouriço – aquela que consideramos a tradicional – é ” target=”_blank” rel=”noreferrer noopener”>no assador de barro, específico para o efeito. Este pote de barro, obrigatório em qualquer casa portuguesa, é o acessório perfeito para preparar um chouriço assado de forma simples e rápida, independentemente da situação.

O facto do assador ser portátil, permite utiliza-lo em qualquer local. No entanto, certifique-se de que não coloca nada inflamável muito perto e, claro, tenha cuidado com os dedos e as mãos.

Assim, corte ao longo do chouriço vários golpes na perpendicular. Isto ajudará a assar o chouriço por dentro e tornará mais fácil cortá-lo em rodelas quando o for comer. Depois coloque cerca de um dedo de altura de álcool etílico no assador. Poderá ainda acrescentar uma bebida alcoólica, como rum, whisky ou aguardente, para dar sabor enquanto assa o enchido.

Coloque agora o chouriço sobre a grelha do assador de barro e, com um fósforo longo, acenda o álcool. Deixe assar até o fogo se extinguir. Com um garfo, vire o chouriço quando ele estiver bem dourado de um lado. Se vir que está a começar a ficar queimado, retire o chouriço do fogo.

É importante nunca colocar mais álcool enquanto este está ainda a arder. O álcool etílico vai pegar ao fio de álcool que colocar e arder de volta à garrafa ou recipiente que usar, levando a uma explosão. Depois de começar a assar, não coloque mais nada.

Sirva cortado em rodelas, com pão e queijo. O caldo verde é também o melhor amigo do chouriço nesta situação, já que cria a combinação perfeita.

Na frigideira

Assar o chouriço na frigideira é praticamente o mesmo do que o fazer no assador de barro, mas oferece um pouco menos de entretenimento e é menos perigoso – e não usa álcool etílico.

Comece por colocar a frigideira no fogão para aquecer, cobrindo-a com um fio de azeite para não aderir. Ainda antes da frigideira estar a ferver, coloque o chouriço. Se o fizer depois da frigideira já estar muito aquecida, provavelmente vai ver o chouriço queimar um pouco.

Deixe assar durante alguns minutos mantendo sempre o enchido sob controlo. Com uma pinça, vire o chouriço para o outro lado, quando estiver já vem dourado. Tenha atenção para não assar e queimar em demasia.

Quando estiver bem douradinho de ambos os lados, baixe o fogo e deixa a frigideira arrefecer. Quando estiver menos quente adicione uma chávena de água. Faça-o lentamente e com muito cuidado para evitar respigar. Tenha também cuidado com as queimaduras, já que o azeite a ferver poderá saltar.

Agora, cubra a frigideira com uma tampa e deixe cozinhar, em lume brando, durante cerca de 10 minutos. Vá verificando se o chouriço não fica demasiado queimado. Se achar que está suficientemente assado, retire-o do fogão.

Alternativamente, pode usar uma tábua para cortar o chouriço às rodelas antes de o assar na frigideira. Já cortado vai largar alguma gordura logo deve colocar menos azeite, mas este vai assar mais rápido.

Cortando o chouriço pode também usá-lo em refogados como o que vê na receita acima. É simples de fazer mas lembre-se que o chouriço larga gordura logo não meta muito azeite.

No forno

Uma outra forma muito popular de assar chouriço é colocá-lo no forno. O resultado é igualmente diferente, mas não menos saboroso.

Para começar, pré-aqueça o forno a 180 grau. Depois, coloque o chouriço num tabuleiro, e se colocar mais que um separe-os bem entre si. Não se esqueça de cobrir a travessa com papel vegetal ou spray anti-aderente, para que eles não peguem ao fundo.

Pode, em alternativa, optar por uma daquelas travessas com uma grelha, específicas para grelhar carne, que permite que a gordura pingue para o tabuleiro em baixo.

Antes de colocar o chouriço no forno, faça vários golpes na transversal com uma faca. Isto não só ajudará o chouriço a assar melhor, como depois será mais fácil cortá-lo às rodelas para o servir. Deixe no forno a assar bem o enchido, mas vá contorlando. Verifique se ele está bem dourado antes de o virar com uma pinça, de forma a que fique assado de forma uniforme em ambos os lados.

Poderá servir o chouriço assim, como entrada, juntamente com queijo e pão. Ou poderá utiliza-lo para coloca-lo sobre um arroz de pato, um prato de paella ou outra receita semelhante. As opções são variadas e, muitas vezes, a imaginação não tem limites

No microondas

Assar o chouriço no microondas pode parecer uma forma pouco ortodoxa de o fazer, mas é igualmente uma forma fácil, válida e saborosa. Além disso, pode ser também uma forma mais rápida de preparar o chouriço, sem fazer tanta sujidade. Isso já para não falar dos riscos que acarreta utilizar o assador de barro e o álcool etílico, principalmente se houverem crianças na divisão.

Assim, tal como faz quando utiliza o assador de barro, corte o chouriço na transversal antes de o colocar num pires. Pode levá-lo diretamente ao microondas durante cerca de 4 a 6 minutos, para o assar parcialmente. É a forma mais rápida de o preparar para uma entrada simples e deliciosa.

Pode ainda utilizar esta forma de assar chouriço para o preparar para outra receita. Já falámos anteriormente do arroz de pato ou da paella, mas existe um sem número de possibilidades. Outra opção muito interessante é no pão rústico. Para o lanche, prepare uma sandes com queijo de cabra e um chouriço assado no microondas. É uma forma super-prática de garantir um lanche único.

O que saber sobre chouriço

O chouriço é um enchido típico da gastronomia portuguesa, que pode ser encontrado de norte a sul do país, consumido isoladamente ou inserido em receitas mais complexas. É preparado essencialmente com carne e gordura do porco, mas pode ter ainda diferentes temperos e, às vezes, até o sangue do próprio animal.

Também existem chouriços com carne de aves, como a típica alheira. A carne do chouriço é preparada dentro da tripa do porco, atada e fumada, ficando com a forma de uma ferradura.

A origem do chouriço remonta aos romanos e aos gregos, se bem que eles usam a salga em vez da defumação. Além disso, o seu consumo está difundido um pouco por toda a Europa latina e do sul, como a Itália, a Grécia ou a França.

São vários os tipos de chouriço que pode encontrar no supermercado, nomeadamente o chouriço-corrente, o chouriço de sangue, o chourição, o paio ou o salpicão. Em Portugal, existem ainda várias regiões que tem chouriços de Denominação de Origem Protegida (DOP).

Os chouriços devem ser conservados em locais secos e frescos. Não devem ser consumidos por norma, depois de três meses a serem conservados, uma vez que o sabor começa a modificar-se. Além disso, depois de corrido um chouriço, unte-o com azeite e enrole-o em papel de alumínio, para que não adquira fungos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

back to top